Fatos dantescos

Os cúmplices de Schumy
10/09/2001
MEU NOVO HERÓI
15/09/2001

Edu,

Calhou de ser justo você o “escalado” para escrever no dia seguinte àqueles fatos dantescos da última terça-feira. Sua carta resumiu tudo. Não dava para fazer mais, diante de tudo aquilo que estava acontecendo.

Não tenho nada a acrescentar ao que as pessoas já sabem ou sentem a respeito. Tudo o que se pode esperar é que essa tragédia, no final das contas, tenha servido para levar o mundo a avanços e não a retrocessos.

A vida continua. Em respeito às vítimas dos atentados, a IRL e a Nascar adiaram as etapas previstas para o próximo final de semana – mas estas são categorias que correm apenas nos Estados Unidos e esta era a decisão mais natural a ser tomada. Creio que a CART faria a mesma coisa se fosse correr em solo americano neste final de semana.

Na Itália, o GP de F 1 vai acontecer sem pódio e a Ferrari vai correr com bico preto e sem inscrições de patrocinadores nas carenagens. Nunca vi algo parecido. O máximo que me lembro é de algumas equipes, como a McLaren, retirarem alguns nomes de patrocinadores de seus carros no GP da África do Sul de 1985 – mas isto aconteceu apenas porque os protestos contra o apartheid chegaram a um ponto em que a F 1 não pôde mais ignorá-los (nos 20 anos anteriores, a F 1 não estava nem aí para o apartheid). A corrida saiu do calendário no ano seguinte e só voltou em 1992, quando Nelson Mandela já estava livre e o apartheid agonizava. Em resumo, as corridas internacionais só pararam mesmo nas duas guerras mundiais.

Que ninguém fique espantado com a realização das corridas da CART e da F 1 neste final de semana: estão apenas fazendo o que o próprio presidente George W. Bush pediu que fizessem – ou seja, que cada um continue tocando seus negócios. A respeito desta frase, houve quem concordasse e houve quem achasse um absurdo. Deixo o julgamento por conta de cada um.

Por hoje, é só.

Abraços,

Panda

PS-Ainda na terça-feira perguntaram-me se havia registro de algum GP de F 1 ter sido cancelado por causa de acontecimentos como os daquele dia. A resposta é não. Mas, só para registro, descobri depois que o Rally de Monte Carlo de 1974 deixou de ser realizado por causa das repercussões da Crise do Petróleo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *